28/03/11

PARAR, PENSAR E ESCOLHER O CAMINHO CERTO

  
   Quando recebo em casa o BITsgs, o Boletim informativo da Associação dos Trabalhadores dos Serviços Gerais de Saúde ( talvez seja de pensar noutro nome ) gosto sempre de o ler. O Solitário tem escrito por diversas vezes e sempre com palavras fortes e duras. A verdade é que não conheço e nem tenho conhecimento que alguma vez algum assistente operacional congressista militante o tenha desmentido.
   Há dias recebi o BIT sgs deste mês de Março e não resisto a transcrever parte do artigo escrito pelo SOLITÁRIO:
   "...voltei com toda a minha força, determinação e convicção, para dizer o que sinto, falar do que vi e dizer o que não gostei. Andei por aí e como diz o cantor, “eu fui a todas” e sempre estive com os seus organizadores, considerando-os uns verdadeiros artistas e lá diz o velho ditado “zangam-se as comadres, descobrem-se as verdades”. Eu descobri coisas impensáveis, inimagináveis, conversei com os actores, filmei e gravei conversas que julgavam secretas e confidenciais, pois é, vocês estavam com o Solitário em corpo e alma. Cuidem-se, pois brevemente vamos ter um WIKILEAKS à Portuguesa.
   Eu vi palmas e palminhas, ilusionistas, malabaristas, palhaços, que com o seu aspecto comediante, têm lugar em qualquer circo ou teatro deste País. Vi sorteios, rifas, rifinhas, cabazes, danças e cantares, concursos para os melhores trabalhos, cujos prémios foram atribuídos, com recurso a métodos fraudulentos.
  Vi certificados que se vendiam para colegas que estavam ausentes e colocados nas pastas dos inscritos, antes da sessão de abertura.
   Eu vi lágrimas derramadas em rostos de colegas humildes e simples que quando viam determinados trabalhos, apresentados por quem não tem capacidade, nem competência para os poder apresentar, ferindo de morte os seus sentimentos.
   Momentos houve, em que cheguei a pensar: será que estou numas jornadas, num congresso, ou num velório com tanta lágrima derramada!
   Só que num velório há respeito pelo morto, ali não havia respeito por ninguém.
   Isto não é formação, a isto chama-se engano, deformação e incompetência, ou novelas de baixo nível.
   Caros colegas e amigos Assistentes Operacionais, não se deixem enganar, pois este tipo  de formação / deformação / novelas com choradinho à mistura, não vos serve de nada, muito menos para Técnico Auxiliar de Saúde. Acreditem no Solitário, porque falo a verdade e só a verdade incomoda muita gente. Eu gosto muito de vós.
   Por tudo o que vi e descrevi, pensei na frase de Jesus Cristo, quando estava prestes a morrer, crucificado numa cruz pelos seus malfeitores e que disse:
   “Meu Deus, Meu Deus, perdoai-lhes porque eles não sabem o que fazem”.
   Gostei das intervenções da Associação dos Trabalhadores dos Serviços Gerais da Saúde, o Solitário foi um dos seus principais críticos, mas tenho que reconhecer que errei, pois são colegas com larga experiência, sabem do que falam, acreditam no que dizem, são convictos e determinados, demonstrando empenho e motivação na vossa valorização e qualificação profissional. Inspiram-me confiança.
   No entanto, peço-lhes para serem o pólo aglutinador e para não se deixarem aglutinar, se assim não fizerem, pode ser uma fatalidade, pois os tais de que falei, o que pretendem, é servir-se do vosso estatuto, para que com a vossa presença, alcancem o sucesso o conhecimento e reconhecimento, para atingir outros fins.
   O Solitário vai andar por aí, mais atento do que nunca, mas sempre com a sua querida e velha máquina fotográfica, o seu velho gravador, para a qualquer momento denunciar, alguns que sabem de tudo, mas nada de formação, qualificação e valorização profissional".
                                                                                             OIRATILOS
In BIT sgs ano 13, nº13 2011.03.02

   Aguardemos pela BOMBA.
 

12 comentários:

Anónimo disse...

Gosto dos textos do Solitário.
A brincar diz toda a verdade.
Nós Assistentes Operacionais, somos uns anjinhos e vamos a Jornadas e Congressos, só para gastar dinheiro em tempo de crise.
Deviam existir mais colegas a escrever como o solitário. Acredita que tinha muito gosto em te conhecer.
Parabens pela tua capacidade. Só espero que não desanimes, pois a bincar a brincar, vais dizendo toda a verdade.

José Pedro Santos disse...

Caros amigos e colegas, eu também adoro o Solitário, pois a brincar, a brincar(...).
Ora bem hoje recebí uma noticia particularmente engraçada. Uma amiga minha fez um curso de estética, estando desempregada e inscrita no centro de emprego, acabou por ser chamada para um Hospital algures na região Oeste. Logo pensei caramba,fui socorrista de ambulância alguns 15 anos, fiz montes de cursos de tripulate de ambulância, por gostar do trabalho fiz também um cusrso de AAM, que me custou os olhos da cara lol
Agora fico a pensar, que tipo de vocação tem uma esteticista para desempenhar estas tarefas!? Será que aguenta a pressão desse trabalho, e estômago será que o tem? Na volta vamos começar a ver os doentes a com unhas pintadas, massagens com pedras quentes, exfoliação facial, Etc. LOOOOOLLLLL

José Pedro Santos disse...

LOL só para lembrar mais uma coisa, após o estagio num hospital publico da região Oeste, o estado congelou as contratações, logo não tenho acesso a nenhuma vaga no hospital.
Para quê gastar dinhero em formação, certamente não precisam de pessoal qualificado e VOCACIONADO para tal

josnumar disse...

Os congressos e jornadas dos Assistentes Operacionais acontecem quase todos os meses.Em quase todos os hospitais, ou centros hospitalares, estão a acontecer estes encontros.Eu também já participei em alguns destes eventos e não vi tanto como o Solitário, mas deu para perceber que os Certificados, ou melhor, o DIPLOMA de participação parece o que mais interessa. E mesmo que não participem ou nem sequer apareçam, o importante para alguns é depois receberem o certificado. Será que todos os certificados são realmente CERTIFICADOS? Estão as empresas dessas pessoas registadas e certificadas e dessa forma poderem formar?
Tem-se falado muito nos Técnicos Auxiliares de Saúde. Quem vai avaliar e dar formação aos actuais Assistentes Operacionais que desejem ser reconhecidos TAS? Estes Congressos e estas Jornadas também enriquecem o nosso currículo ou não?
O Solitário podiam ajudar a esclarecer as minhas dúvidas.

Job disse...

Olá colega da saúde,vejo que Portugal está passando por um momento precário de saúde,em que os governantes não aponham e valorizam esses profissionais que lutam pelo bem estar e saúde dos portugueses,nos aqui do Brasil lhe desejamos toda a sorte do mundo e que novas portas se abram para vocês.

Job Ferreira Brasil disse...

Olá colega da saúde,vejo que Portugal está passando por um momento precário de saúde,em que os governantes não aponham e valorizam esses profissionais que lutam pelo bem estar e saúde dos portugueses,nos aqui do Brasil lhe desejamos toda a sorte do mundo e que novas portas se abram para vocês.

Anónimo disse...

Isso de jornadas é só de nome porque de conteudo,não tem nada,e depois é sempre o problema que os ultimos trabalhos a serem apresentados não tem quase ninguem.Fui a umas jornadas a Viana do Castelo,era musica,folclore, mais musica, tambem faz falta esse tipo de animação mas o que se aprendeu....Gostei dos comentarios do Solitário,parabéns.

Anónimo disse...

Não gosto do Solitário! Já pararam para pensar no que o move? Porque anda de Jornada em Jornada, de gravador oculto? Estes encontros são também uma troca de informação e conhecimentos, com colegas de outras Instituições. Não se discute apenas na sala, até a hora de almoço pode ser interessante. Este Sr. quer obviamente denegrir toda a formação e certificados, de quem ano após ano, com parcos recursos, foi investindo na sua própria formação. Penso que só não aprofundou os seus conhecimentos quem não quis. Assim de repente, vem-me á ideia um belíssimo trabalho sobre a cultura Cigana, ou quando praticamos mobilização e transporte, com Enfermeiros, e respectivo mobiliário. Não me cabe a mim julgar, se A ou B, saio da sala e não voltou. O Solitário, se tem algo contra alguém que o prove, e não venha publicamente levantar insinuações. Já agora, essa frase dos Auxiliares não terem capacidade de produzir um trabalho… Acorde para a vida!!! Os Auxiliares têm capacidade para os fazer e muito mais, o Sr. Solitário é que só tem capacidade para detective, por isso está na profissão errada.

Joana Silva disse...

Por acaso, não gosto dos comentários do solitário, mas também não acredito em nada que se tem tratado em reuniões, formações nas jornadas e congressos dos serviços gerais. Quais técnicos auxiliares de Saúde. Ainda acreditam? eu não.
Quanto ao comentário sobre as jornadas em Viana do Castelo, pois nem a cidade conhecia, para mim foram das melhores que tenho ido, começando pela organização, pelos temas dos trabalhos e pelas individualidades que foram convidadas. Tenho ido a algumas jornadas e têm sido bastante monótonas e sempre a falarem das mesmas coisas, mas que grande seca.Parece-me, ninguém mas mesmo ninguém, se interessa pelos assistentes operacionais.

Fernada Torres disse...

Solitário, se és assim tão inteligente, que até consegues enganar os teus amigos de peito, pois consegues filmar, gravar, as conversas em privado com esses teus amigos, não te escondas atrás do pseudónimo, mas mostra quem és, pois és um dos que estás a contribuir para que ninguém acredite em tanta coisa que é dita. Será que os teus amigos quando falam contigo, também, estão a mentir? Será que vamos continuar a ir de jornada em jornada e a desconfiar de todos? Será que ficaste com algum equipamento, câmaras ocultas e gravadores, que pertencia à PIDE-DGS. Pára de te esconder debaixo da capa da hipocrisia .

Anónimo disse...

O que move o Solitário, é um ódio vísceral, aos Organizadores das Jornadas!
Agora colegas digam lá o que é que esse sr ou sra. já produziu? E a Bomba tão apreguada? Deve estar é nas Lages... :)
Essa pessoa quer é que o pessoal Auxiliar, por correio ou em presença, a tirar um desses cursos muito apregoados. Qual será a empresa que gere? Faz-me lembrar os Complementos para Enfermeiros... Até parece que depois de 15 anos, 20 ou 30 de trabalho, vão surgir os verdadeiros Técnicos na matéria. Gente jovem é certo, e com mais sensibilidade e humanidade para com o próximo, já para não falar nas noções de anatomia, fisiologia e psicologia. A intenção é retirar funções aos enfermeiros, nas coisas básicas que até fazemos em casa aos nossos filhos. Abram a pestana, é mais responsabilidades, e dinheiro O. E sem nenhum Seguro como os outros de setor. Os velhos como nos chamam, já sabemos tudo isso e muito mais, ao ponto de até irritar quando reconhecemos más práticas. O Solitário por mim é um contra - informação, sem nenhum mérito, a não ser o de querer gerar conflitos na nossa classe.E mais não digo por não valer a pena. Já que os velhinhos sem "Escola" aprenderam tudo ás suas custas, até a lidar com a degradação do corpo humano e a sua morte, e a consolar o inconsolável...

s-O-li-TÁRIO disse...

solitário, como deves saber, o que duvido que o saibas, pois não terias escolhido este pseudónimo. O significado do teu pseudónimo diz tudo: " só, isolado, afastado". Parece-me mesmo, que, cada vez mais estás só a rastejar pelas areias áridas do deserto. Para ti, tem que haver jornadas para saíres do teu local de letargia. Se não as houver serás sempre um parasita.